Mino Pedrosa

O pombo-correio de Joesley e Saud na carceragem da PF

14 set 2017

Um pombo-correio fez um voo rasante e bem sucedido nas dependências da Polícia Federal, em Brasília. O pouso aconteceu por volta das 16 horas desta quinta-feira, 14. A ave – branca, símbolo da paz – levou uma mensagem para Joesley Batista e Ricardo Saud.

A notícia, porém, parece não ter sido das mais promissoras. É que o dono da JBS e seu ex-executivo mostraram abatimento ao receberem um bilhete das
mãos de Durval – assim identificado o mensageiro que teve acesso às dependências da Superintendência da PF na capital da República.

Pombo-correio Durval

Embora demonstrasse nervosismo, Durval teve livre acesso ao local. Saiu cabisbaixo, sem sorriso no rosto, deixando os encarcerados Joesley e Saud ainda mais abatidos. Os dois foram observados transitando livremente pelos corredores. Mas no fundo – isso foi observado – demonstravam ares de pânico.

Enquanto isso, na recepção da Superintendência os advogados do grupo J&F, esperavam conseguir o habeas corpus para libertar os executivos.
Este colunista registrou a liberdade dos presos.

Joesley Batista e Saud estão recebendo tratamento vip e não deve se quer conhecer a laje fria da carceragem.

Advogados dos executivos J&F

Ricardo Saud, na PF

 

Publicidade

Anuncie Aqui